Tema: “Saúde em áreas de fronteira”

0
124

A saúde nas áreas de fronteira é um desafio para os gestores públicos. Para entender um pouco mais sobre todas as complexidades que envolvem a temática, como o funcionamento dos atendimentos para estrangeiros, infraestrutura disponível e serviços de saúde, a entrevistada do 14o episódio do “Debates para o Brasil do futuro” é a Pesquisadora e docente do curso de Serviço Social da Universidade Federal da Integração Latino-americana (UNILA), Maria Geusina da Silva.

Maria abordou os principais desafios para os gestores da área de saúde, especialmente nestas regiões, e sugeriu encaminhamentos sobre o estabelecimento de uma relação mais real entre a quantidade de habitantes em uma cidade de região de fronteira e os recursos repassados pelo governo. Além disso, mostrou exemplos e boas práticas de cidades que tem protocolos de atendimento a não-nacionais e também a refugiados.

Por fim, foram expostas razões pelas quais é necessário que a paradiplomacia seja debatida inclusive no contexto de saúde e citou exemplos de projetos onde há trabalhos conjuntos entre diferentes países, como iniciativas da Usina Hidrelétrica de Itaipu e cidades como Foz do Iguaçu (PR) e Santana do Livramento (RS).

A entrevista está disponível no canal do Youtube e no Spotify do IDESF. Para assistir, é só clicar na imagem abaixo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário
Digite seu nome