Painel marca disciplina da pós-graduação sobre economia do crime

0
115

Como parte da disciplina ‘Economia do crime: tráfico, contrabando e descaminho’, integrante da grade da Pós-Graduação em Gestão, Estratégia e Planejamento de Fronteiras, o Instituto de Desenvolvimento Econômico e Social de Fronteiras (IDESF) e a Justiça Federal de Foz do Iguaçu realizaram na quinta-feira (24) um painel de debates.

O evento foi realizado na sede da Justiça Federal na tríplice fronteira e teve como tema geral das apresentações ‘Economia do crime: contrabando, contrafação, execução penal e sistema penitenciário’. Com mediação do professor da Universidade do Oeste do Paraná (Unioeste) e do IDESF, Pery Shikida, o painel teve apresentações do Juiz Federal Matheus Gaspar, da mestre pela Unioeste, Helena Nickel, e do agente penitenciário e mestrando pela mesma universidade Willian Zonatto.

O Juiz Federal Matheus Gaspar fez a primeira apresentação, sobre execução penal. Na sequência, a mestre Helena Nickel apresentou o tema de pesquisa ‘Análise da execução penal envolvendo crimes econômicos no Paraná cuja pena privativa de liberdade foi substituída por prestação de serviços e/ou pecuniária”. O mestrando Willian Zonatto encerrou as apresentações com o tema ainda em desenvolvimento ‘O complexo sistema penitenciário’, retratando em dados a realidade da região.

O painel teve presença de integrantes do Ministério Público Federal (MPF) e apoio da Comissão Nacional de Combate à Pirataria (CNCP), do Ministério da Justiça.

Rosane Amadori – Assessoria de Comunicação IDESF

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário
Digite seu nome