Fórum tri-fronteiriço marca início de mais uma pós-graduação do IDESF

0
207

Um público tri-fronteiriço, formado por brasileiros, argentinos e paraguaios, compareceu na noite desta quinta-feira (22) à abertura do fórum ‘A Cooperação Interagencial para a Segurança Trinacional e sua Luta Contra as Organizações Criminosas Transnacionais’. O evento aconteceu no auditório da Polícia Federal (PF) de Foz do Iguaçu e marcou o início de mais uma turma de Pós-Graduação em Gestão, Estratégia e Planejamento em Fronteiras.

Entre os palestrantes, o presidente da Parliamentary Intelligence-Security Forum e ex-congressista dos EUA, Robert Pittenger, e a ministra de Segurança da Argentina, Patricia Bullrich. Pittenger participou do painel ‘Ferramentas legais disponíveis para a cooperação internacional entre as agências de segurança’ e disse que a segurança das nações também depende da cooperação de todos os cidadãos com os órgãos responsáveis.

A ministra argentina participou do painel sobre o tema ‘Convergência dos grupos criminais, Primeiro Comando da Capital (PCC) e Comando Vermelho (CV) com outros atores de grupos criminais transnacionais e sua influência na Argentina e Paraguai’. O painel contou com a participação do diretor-geral do Departamento Penitenciário Nacional (Depen), Fabiano Bordignon, que trouxe um panorama do sistema carcerário nacional e destacou a intercooperação entre nações como fundamental para o combate aos crimes transfronteiriços.

Conhecedor das realidades fronteiriças, Bordignon foi delegado-chefe da PF e coordenador do Comando Tripartite, formada por forças de segurança da tríplice fronteira, até o final do ano passado. Sobre as atuais responsabilidades, disse que o planejamento para os próximos três anos prevê a oferta de mais 100 mil vagas nas unidades prisionais. “Temos recursos próprias para oferecer 60 mil, as outras serão buscadas via PPP (parceria público-privada)”, destacou.

O fórum prossegue hoje, no auditório da OAB. Entre as atividades previstas está o lançamento do terceiro volume do livro (Re)Definições de Fronteiras, uma publicação do IDESF reunindo artigos em português, inglês e espanhol sobra as realidades fronteiriças. O diretor executivo do Center for a Secure Free Society (SFS), de Whashington D.C, Joseph Humire, profere às 11h uma palestra sobre ‘Redes do grupo terrorista Hezbollah na tríplice fronteira: uma ameaça à seguridade hemisférica’. O fórum vai até às 18h30 e a entrada é franca.

A Pós-Graduação em Gestão, Estratégia e Planejamento em Fronteiras tem foco na formação de profissionais com formação abrangente e aprofundada em fronteira e será oferecida em módulos mensais, com aulas nas quintas e sextas, à noite, e aos sábados, pela manhã.

Sobre o IDESF – O IDESF é uma instituição sem fins lucrativos, com sede em Foz do Iguaçu (PR), que, por meio de estudos, ações e projetos, promove a integração entre as regiões de fronteira, o fortalecimento das relações políticas, sociais e econômicas e o combate aos problemas próprios dessas regiões.

Texto e fotos:

Rosane Amadori – Assessoria de Comunicação IDESF

(45) 99101-1045

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário
Digite seu nome